Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Conversas republicanas?


De grampos e gramputas

O diálogo interceptado por escutas ilegais da Abin dos senhores Gilmar Mendes, presidente do STF e Demóstenes Torres, senador do Dem de Goiás, seria mesmo uma conversa republicana? Porque eles ficam tão indignados, agora, quando nunca se viu esses personagens protestarem contra a prática corriqueira de grampos, invasão de domicílio, infiltração policial, prisões ilegais, torturas, assassinatos e desaparecimentos de pessoas durante a ditadura?

Admira a presteza do presidente Lula em receber hoje mesmo pela manhã o ministro Gilmar Mendes, que certamente vai fazer-lhe um rosário de queixas e lamentações, depois de ter sido grampeado.

A denúncia parte da desmoralizada revista Veja, e já serviu de mote para o filhote de César Maia (Dem-RJ) correr e pedir impeachment do presidente Lula.

Essa gente não cansa nem se sente ridícula?

38 comentários:

Carlos Eduardo da Maia disse...

Não existe nada de mais na conversa do Mendes com o Demóstenes. O fato mostra que o Brasil está virando uma espécie de DDR. E certa esquerda gosta desse ranço autoritário e fiscalista da vida dos outros. Aliás, as ditaduras de esquerda foram sempre assim. Mas o extraordinário é que o Lula nunca sabe de nada. Não sabia que o PT mandou pagar 10 milhões de dólares para o seu marqueteiro íntimo e provedor de bons vinhos, Duda Mendonça em conta em paraíso fiscal. Não sabia que na sala ao lado no Planalto, o Dirceu comandava o mensalão e nem que seu compadre foi beneficiado com 5 milhões de dólares do esquema da venda da Varig. Quem sabe são os aloprados. E como têm aloprados nesse governo.

Paulo Guedes disse...

Como pode a conversa ter ocorrido, a partir do gabinete de Mendes no STF, às 18:32h, se Mendes estava no Planalto em reunião agendada às 18:00h?
E mais, a reunião terminou por volta das 21:00h, segundo informou Noblat no mesmo dia:
http://oglobo.globo.com/pais/noblat/post.asp?t=gilmar_mendes_tarso_genro_negam_conflito&cod_Post=114262&a=111
Mais uma armação mal armada (sic).

Anônimo disse...

Pior que Grampos destes caras é a maledicência do canalha do Maia, que vem sempre misturando alhos com bugalhos, para defender a fina flor da reação e malversão que representa a sociedade tucano pefelista.

A esquerda não gosta do ranço autoritário até por que é ela paga sempre a conta dos facistas como o Mendes e os Maias da vida que seguem por aí procurando o restaurante que a governadora come para pegar alguma migalha.

Rato vive é assim.

Claudio Dode

mariorangelgeografo.blogspot.com disse...

Ô Maia filho da P... As ditaduras de direita eram boazinhas né?

O Demóstenes pedir a intervenção, via telefonema, do STF, em um processo judicial é republicano, né?

Se o Lula sabe de "tudo" a tua governadora também, né?

O problema é que "certa direita" (aí milita o FDP do Maia) tem memória seletiva...

Anônimo disse...

A imprensa "oficial" está procurando colocar nuvens de poeira na frente desse assunto e mudando o foco da coisa para tirar o mandante e beneficiário maior desse crime de escuta do expoente máximo do Judiciário.

Também aqui na Internet a Al Quaeda eletrônica petralha está a todo vapor jogando contra-informações e procurando desmoralizar quem possa ou venha a evidenciar o crime que foi cometido a partir do Palácio do Planalto ou lá dentro mesmo.

A situação é bem clara, ou seja, tem um cidadão que não é corruptível, que sabe das coisas e, por isso é incontrolável, incomoda muito. Então, o negócio é espioná-lo para ver se se consegue provas para o afastar, controlá-lo ou anulá-lo.

O problema é que essa atividade criminosa foi descoberta e agora esperamos é que venha do Judiciário o pedido de abertura do processo de impedimento caso procurarem os responsáveis somente colocar panos-quentes no assunto.

Há reincidência na prática desse crime com várias pessoas e se sentido poderosos, estenderam a prática para vigiar o expoente máximo do Judiciário, ou seja, aquele escapadela bisonha que inventário de que o indigente nada sabia, não colou e não colará jamais.

Notem que esse crime de espionagem praticado por ação ou omissão do presidente da República, ele será julgado no Supremo Tribunal Federal, após admitida a acusação pelo Senado Federal.

Tudo que queremos ver agora é a preparação da acusação para ver se o Senado vai ou não autorizar o julgamento pelo STF.

Quero ver quais os senadores que adoram ser espionados.


Antônio

Willians disse...

Esse é o Maia...em mais um de seus murmúrios murinos.

Anônimo disse...

De atentado em atentado contra a democracia, este lullarápio continua deitando, rolando e fazendo o que lhe dá na cabeça sem visualizar uma oposiçãozinha no fim do túnel. Quantos motivos este desgoverno já deu para ser afastado? Alguém fez alguma coisa? Collor caiu por muito menos. Qual será a carta que este apedeuta tem na mão para conseguir o silêncio de toda a oposição?

Heloisa

Anônimo disse...

A carta não está na manga, está bem à vista e chama-se "diploma de posse", além de mais 61% dos votos válidos do eleitorado.

A oposição reage sim, mas só com essas farsas ordinárias do grampo imaginário e do cartão corporativo.

Que se gastem esperneando esses inúteis, porque muito mal estão criando os que sobraram em cargos públicos.

Anônimo disse...

Heloisa, tu tens que ser presa, por desacato ao presidente. Sabes que lá, na Expointer, um transeunte foi interpelar a bruxa da tua desgovernadora Yeda-ladra do Detran, e foi preso. Apedeuta é P... da tua mãe.

Anônimo disse...

Está aí um episódio inédito na história da República que testa definitivamente se a Nação deseja um Estado de direito democrático, sob o império da lei, ou continua dando um jeitinho, empurrando com a barriga, fazendo vistas grosssas
ao desrespeito flagrante ao mandamento Constitucional.

Nenhum país do mundo prosperou fazendo pouco caso da lei e da ordem.

Aluisio

Blogoleone disse...

Novela em cartaz: "O Mais Recente Factóide do PIG".

panoramix disse...

Cristovão Feil esta corja que está entrando aqui esta tumultuando! Porque eles não vão postar lá no Mainardi, certamente ele vai gostar - imagina se eu fizer um comentário a favor do Lula na casa deles, dá até processo! Opinar sobre o assunto é uma coisa mas "trolagem" é brabo de aguentar!

Anônimo disse...

Já sei a solução fácil, fácil! Vou mandar um detetive botar um grampo nos telefones do Maia e da Heloisa. Escrevo anônimamente para a veja dizendo que foi a Ieda que mandou colocar! Com certeza virá o impeachment! Eu não sou um gênio? Nos livramos da véia corrupta!!!joãozinho crente.

jaime disse...

A VEJA é lixo da informação ! Sr.Maia! vai plantar batatas! a RBS é a mesma coisa> A fonte da deformação ! Aliás, na América essa tal de mídia está falida e corrupta! SEBOSA, VULGAR E APOIADORA DA QUADRILHA DO G.MENDES ! TEM QUE ESCUTAR SIM ! QUEM LIBERTA UM MELIANTE DA ESTIRPE DO DANTAS É SUSPEITO E NÃO TEM MORAL ALGUMA !!

jaime disse...

MAIA! Quem tirou do MEC dinheiro para a ONG da sua falecida? Quem queria sucatear a Petrobrás ? A YEDA se loclupletou com nosso dinheiroo (detran) dinheiro esse que foi dsitribuido entre vários jornalistas no RS(vergonhoso),lamentável e sujeira por toda parte! Só figurões de partidos manhosos! A DIREITA NA AMÉRICA É PODRE MISERÁVEL NÃO ACEITAM DEMOCRACIA! VÃO SE CATAR URUBUS DO DINHEIRO PÚBLICO !! 44 milhões! ONDE ESTÁ ESSE MONTANTE ??

Carlos Eduardo da Maia disse...

Isso não é factoide do PIG. Alguém duvida aqui que grampearam o Mendes? Impediram o Nixon por motivo muito semelhante.Mas aqui é o Brasil, certa esquerda adora o ranço totalitário, né???? Gostam de uma ditadura.

gustavo disse...

Maia, "realmente" todas as ditaduras da esquerda que o Brasil ja viveu foram terríveis e muito opressoras!

malacara disse...

Daqui a pouco eu vou acreditar que a esquerda chegou ao poder em 1930 e de lá não apeou mais.

Côsa de lôco, sô!

1964 então foi um golpe da esquerda nacionalista contra a esquerda trabalhista de jango.

Esse Maia faz um samba do crioulo doido...

Anônimo disse...

No entanto, como era de se esperar, no dia de hoje nossa mídia corporativa só trata disso, aparentando surpresa e indignação, quando está apenas repetindo o velho esquema: a Veja solta a pretensa bomba, o JN repercute, os jornalões reproduzem no domingo e durante a semana suítam. Depois o assunto vai sumindo para as páginas internas, até cair no esquecimento, cumprindo assim sua motivação essencial, que não é buscar a verdade, nem ao menos esclarecer algo, mas apenas vender jornal, revista e espaço publicitário - aquilo que Ali Kamel chama de “jornalismo independente”.

importado do blog do mello por joão paulo.

Carlos Eduardo da Maia disse...

Em qualquer lugar do mundo socialmente desenvolvido o Poder executivo grampear o judiciário é um escândalo e certa esquerda troglodita acha isso absolutamente normal. Inacreditável.

juca bala disse...

Quem pode, pode, quem não pode, VEJA.

Anônimo disse...

O supremo presidente não perde uma opportunity de enquadrar o presidente Lula. Realmente, o eterno advogado-geral de FHC se sente forte para estimular o desiquilibrio institucional.
Golpistas é o que são.

armando

Clairton disse...

O bicho escroto da maia e seus seguidores menores continuam "pustulando" inverdades, apoiados em mais um factóide da (in)veja.

Não sei se houve grampo mesmo, o mais provável é que seja outra armação da in(veja), mas que o defensor supremo dos criminosos de colarinho branco merece ser grampeado, merece. Grampo na cria do fhc, já.

Anônimo disse...

Recomendo a leitura sobre as coincidências entre Veja,Demostenes e a Abin, no Blog do Luis Nassif
31/8/2008 às 07:00hs
Cândida

Giovani Montanher Madruga disse...

sério, alguém me dê um motivo para acreditar na veja.
a investigação deste suposto grampo deve ser feita e, se ele realmente aconteceu, podemos descobrir quem esta por trás dele. Talvez tenhamos surpresa!

Ronaldo César Darós disse...

Se os direitosos são ferrenhos contrários so controle e a vigilância, porque não se manifestam contrários ao seu senador Azeredo(PSDB) que modificou o projeto para ser um fiscalizador dedo-duro e vigia com a quebra de privacidade de quem navega na internet. http://samadeu.blogspot.com/2008/08/senador-azeredo-no-responde-pergunta.html

Ary da Silva Martini disse...

Tem que provar que foi grampeado, ministro! O interessante é que o grampo "pegou" um diálogo que lhe é favorável (deitando falação no combate à pedofilia). Sugiro a leitura de artigo sobre esse tema no "Biscoito Fino e a Massa", aí do lado.

Suzie disse...

Quem avisa amiga é!
Este grampo-araponga tem nome: Demóstenes&Gilmar!

Anônimo disse...

O Mollusco Bebum vai arrumar uma viagem internacional para escapar do escândalo.

Eta ditadura esquerdista!

Ciro, o lambedor de sabão.

Suzie disse...

Tem gente - reacionária e preconceituosa- vomitando aqui no blog!
Cruzes!
É falta de espaço no PIC/PIG?

Anônimo disse...

Ciro!
Dê uma olhada no site do PT:

nem um pio a respeito da Grampolândia.
Eta partidinho vagabundo.
Estes petralhas não têm mesmo vergonha na cara.


José Serra

panoramix disse...

Carma, muita carma - vamu dá tempo ao tempo canaiada direitosa!

Manolo disse...

Lula se entregou ao PIG e à direita plutocrata. Vai apenas tratar de sobreviver aos ataques do PIG até a eleição municipal. Depois, vai tentar fazer o sucessor, mas sem enfrentamento. Seu alvo é 2014. O candidato é ele mesmo. Daqui pra frente quem vai dar o tom da música é a direita dentro e fora do governo.
Falando em música, não resisti em clicar no perfil deste tal de Maia que posta aqui. O moço se diz fã de um certo GOTHAN PROJECT. Seria o Robin no piano e o Batman no bandoneón?

Anônimo disse...

Depois do gerente do Dantas tentar comprar um juiz em São Paulo, porque lá em Brasilia estava tudo resolvido, e estava. Qual é a estranheza?


Pessoalmente eu queria que o Dantas estivesse comenda lagosta em Bangu, e junto com o Mendes.

Claudio Dode

Anônimo disse...

E o mensalão também não existiu, né? shjashgjashjahsjahasj.. me divirto.

Ary da Silva Martini disse...

E se a PF não encontrar vestígios de grampo? Me parece que isso já aocnteceu em relação às duas outras denúncia de Gilma Mendes.

Ary da Silva Martini disse...

Anônimo, aponte uma prova da existência do "mensalão". Disse-que-disse não vale. Aponte uma prova. Só uma.

Anônimo disse...

Ary!
Ladrões profissionais não passam recibo.

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo