Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Condenado a 18 anos de prisão, anda solto


Retrato da Justiça brasileira

No dia 20 de agosto [hoje], o assassinato de Sandra Gomide, em São Paulo, completa oito anos.

Em 5 de maio de 2006, o jornalista Pimenta Neves [ex-editor chefe do Estadão], réu confesso, foi condenado a 19 anos, 2 meses e 12 dias de prisão em regime integralmente fechado. Em 13 de dezembro de 2007, a sentença foi confirmada pelo Tribunal de Justiça e a pena reduzida para 18 anos.

Pimenta conseguiu a liberdade provisória em um dos 61 recursos apresentados pela defesa e pela acusação ao longo do processo.
Há um crime, um criminoso e uma condenação. Não há punido.

Do jornalista Maurício Dias, em CartaCapital desta semana.

Foto: Antonio Pimenta Neves na praia, descansando um pouco, depois de matar a namorada há oito anos.

5 comentários:

el barto disse...

gente de bem.

Clairton disse...

Esse é um que não pode aparecer algemado, segundo o nosso "impoluto" STF, presidido pelo "grande jurista" Gilmar Mendes.

Que país é este!!???

jacaré disse...

essa coisa balofa e cheia de graxa não querer virar bonecra no presídio

fofinha!!!!!

Anônimo disse...

Bota uma algema neste canalha, e voces vão ver o que é a gritaria deste judiciário "lalauesco".

ô Cristóvão ficas elmbrando estas coisas e eles terão de arrumar uma justificativa para impunidade deste membro de uma certa direita.

Claudio Dode

orson disse...

O crime compensa.

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo