Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

quinta-feira, 22 de novembro de 2007


O revólver de João Saldanha

Vejo muito pouco televisão. Mas o suficiente para constatar, ainda de forma provisória, que a tevê Globo está modificando o ângulo de abordagem do governo Lula. Está com pelo menos um ninho de metralhadora assestado contra o Planalto - algo que jamais aconteceu na Vênus Platinada. Outra observação: a mesma Globo, não tem dia, que não critica de forma falseada o governo Chávez, direta ou indiretamente. Ontem, sem nenhuma contextualização, colocaram uma matéria sobre deputada chavista que invadiu uma estação de televisão no interior do país e fez um discurso agressivo contra o apresentador de um tal programa.

Ninguém entendeu nada, ficou parecendo que tratava-se de uma louca ensandecida e chavista que tem como distração predileta invadir estações de tevê. Ponto.

Dez minutos depois me liga um amigo meu, alarmado com a desfaçatez da Globo e dizendo que havia lido na internet à tarde o caso da deputada. Ela perdera um filho num grave acidente de automóvel dias antes, e o locutor da tevê (antichavista) estaria criticando-a por ter sido negligente no caso. A mulher, possuída da ira materna e sentindo-se ofendida e impotente, fez o que fez. Só que a Globo mostrou apenas o gesto supostamente tresloucado da deputada, insinuando subliminarmente que os partidários de Chávez sejam todos assim e que, de fato, a "liberdade de imprensa" corre riscos na Venezuela.

Lembrei, então, do velho e bom comunista João Saldanha, guasca do Alegrete (RS), carioca por adoção, jornalista, bom texto, ex-cartola do Botafogo, ex-treinador da seleção brasileira nas preparatórias para a vitoriosa Copa de 70, desafeto do presidente-ditador Médici, amigo do treinador de futebol de praia e "filósofo" de botequim Neném Prancha, comentarista de futebol e macho atrevido. Volta e meia o Saldanha apanhava o seu revólver e dava uns tiros, como para impor respeito e justiça. Uma vez a empregada dele foi enganada numa farmácia que lhe vendeu pilhas velhas por novas, e depois não quis reparar a fraude nem devolver o dinheiro. Saldanha foi lá, era na esquina de seu apartamento no Rio, e descarregou o revólver nos pés do dono salafrário. O cara devolveu os mirréis na hora. Outra ocasião ele tiroteou dentro de um jornal, também contra um abuso de autoridade que havia sofrido. Morreu na Itália, comentando uma partida da seleção na Copa de 1990.

Com os abusos de autoridade midiática da provinciana tevêzinha venezuelana, da Globo - e de outras tevês (aqui em Porto Alegre, ontem, a também provinciana RBS "prendeu e soltou" dois petistas inocentes, absolutamente inocentes, e sequer pediu desculpas) - foi inevitável lembrar do revólver de João Saldanha, o inesquecível comunista.

10 comentários:

alonso disse...

Outro como o Saldanha era o grande pintor Iberê Camargo, também do Alegrete, macho, sempre de revólver e comuna.

Uma vez no Rio o Iberê matou um valentão na rua, o cara quis humilhar o Iberê, já velho, e levou umas azeitonas.

Anônimo disse...

Infelizmente o Iberê não é de Alegrete, ele é de Restinda Seca.

Anônimo disse...

do Alegete

Anônimo disse...

Aco que é de Cacequi

Carlos Eduardo da Maia disse...

Não sei se os dois petistas (porque outros três ainda estão presos) são tão inocentes assim. No site da estatal Eletrosul está dito que o ex presidente do PT-RS acompanhou um dos delinquentes em Curitiba que é a sede de uma das empresas dirigidas por um petista do RS e que está preso. E os outros petistas diretores da CGTEE não sabiam de nada. Será mesmo? O fato está a provar e a comprovar que picaretagem e falcatruas estão além da ideologia. Existem picaretas em todos os partidos.

mario rangel disse...

É de baixar o nível! Esse FDP do Maia é um sórdido Trol. O negócio dele, já que não tem nada prá fazer, é vomitar bobagens. Feil, eu escutei essa na Band. O "LOCO"tor, fez chamada sensacionalista e suspense e , depois, disse que, dois membros do PT estavam presos pela ação da PF no caso da cgte. Que barrigada, logo depois, quando a merda já estava feita, veio correndo corrigir e pedir desculpas ao público e aos envolvidos. "foi um engano". Isso tudo na ânsia tresloucada antipetista. Se ferraram. A Band e a RBS.

Anônimo disse...

O redator "lembrou" do Saldanha depois de ver a GloboNews com uma entrevista sobre uma biografia do João que está sendo lançada. Porque o redator diz que "lembrou"? Porque ele é um homem cheio de lembranças, cultura transbordando, leituras intermináveis...enfim, ele quer impressionar!!! Que coisa patética.

Carlos Eduardo da Maia disse...

RAngel, minha fonte é o site da Eletrosul, estatal federal e controlada pelo governo do PT: Está dito, escrito, consignado e provado ali no site da Eletrosul:
"Cecin convenceu o presidente da CGTEE na época, Júlio Quadros, a viajar ao Paraná e conhecer usinas de energia abastecidas com resíduos de madeira."
Uma dessas Usinas era de outro petista Alan Barbosa (que está preso junto com Cecin) e que recebeu empréstimo do banco de fomento alemão, com aval da CGTEE. Tudo muito estranho. O escândalo do PP/PSDB do Detran é de 40 milhões e o do PT- CGTEE é de 120 milhões. Não interessa quem faz, PT, PSDB, PP ou PMDB. É tudo picaretagem e esses picaretas tem que ser algemados e suas fotos devem ser estampadas na capa da ZH.

Gilmar disse...

No escândalo da CGTEE não tem um centavo de dinheiro público, é bom esclarecer isso definitivamente. Os petistas envolvidos na trampa devem abichar na cadeia (nos dois sentidos). Aqui quem fala é um petista.

Quem denunciou a trampa na CGTEE foram os diretores petistas da mesma, é bom que se esclareça isso, definitivamente.

A CARAPUÇA disse...

Voce já imaginou se algum petista sentar em um vaso sanitário, ou passar em frente ao banheiro em que antes tenha sido utilizado por Flávio Vaz Neto? Estará irremediavelmente envolvido com a fraude no Detran.
Essa é a lógica do seu maia, acima...

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo