Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

segunda-feira, 5 de novembro de 2007


Afinal, o chimarródromo!

Acho notável um certo vereador de Porto Alegre. Um artista completo. Praticamente o sir Laurence Olivier do Morro da Cruz. Intelectual inquieto a serviço da deputada Maria do Rosário - um verdadeiro lua preta. Refiro-me naturalmente, e desnecessariamente (porque vocês já pescaram), ao nobre edil Odalgir Oliboni.

Que estilo!

Sua Excelência é autor de lei municipal que fixa pontos públicos na geografia de Porto Alegre para que a população sorva a Ilex paraguariensis (a popular erva mate, tomado em cuia de porongo). Tais locais seriam denominados "chimarródromos", sempre segundo o criativo e ilustre "Jesus Cristo" do bairro Partenon.

Todos conhecem as qualidades intelectivas do vereador petista, mas desta vez ele se superou. Como diriam certos cronistas políticos: com essa performance meteórica, Oliboni asfalta o trecho para vir a ser o futuro secretário da Cultura de Porto Alegre, caso Maria do Rosário se eleja prefeita em 2008.

Notável!

À Sua Excelência, as minhas sinceras homenagens e uma imorredoura gratidão. Eu sempre tive certeza que faltava algo em Porto Alegre, mas jamais suspeitei que fosse um chimarródromo, ou centenas deles, como quer a lei olibônica.

15 comentários:

Ju disse...

Cris, acho que ele vai ficar em dúvida.

Será que o blogueiro está me elogiando ou me criticando?

Teu texto é muito hermético, mesmo cara!

Sil disse...

O Oliboni caiu nas graças da coluna página 12 de ZH.
"Coisa de gaúcho"(entre aspas mesmo) é com a RBS, acharam ótima a idéia.

Hélio Sassen Paz disse...

Cristóvão,

A agenda da RBS é permeada pela manutenção do status quo através da perpetuação do imaginário guasca.

Isso é muito mais forte do que autoria ou reconhecimento de resultados de gestões e leis de partidos de esquerda.

Aldacir Oliboni foi, assim como todos aqueles deputados federais petistas que beijaram a mão da vênus platinada gaudéria um beijador de mão. Só que, por tabela e sem querer.

Há muito com que nos preocuparmos quando verificamos esse viés da articulação da mídia corporativa.

[]'s,
Hélio

Aldacir Oliboni disse...

Muito obrigado, doutor Cristóvão!
Saudações Petistas!

Vereador Aldacir Oliboni

Anônimo disse...

Qual ser a erva mate que está patrocinando esse projeto?

sueli halfen ( POA) disse...

Tá faltando o repaduródromo,prá gente tomar chimarrão com rapadura!
Com certeza ele irá aprimorar o projeto...
abraço

Anônimo disse...

Ficará completo o projeto com o pipocódromo! E tem um aí que diz que não faz média com a classe média. Eu heim?

Anônimo disse...

Ficará completo o projeto com o pipocódromo! E tem um aí que diz que não faz média com a classe média. Eu heim?

sueli halfen ( POA) disse...

Ops ! RAPADURÓDROMO...............

flics disse...

Cultura é isso ai. Baile de debutante na agenda cultural para a babaca classe média e os novos ricos e chimarródromo para o povão.
Saudações pt-lullistas nobre e santo edil!!!!!!

sueli halfen ( POA) disse...

flics... tu escolhe o quê? Qual o
Caminho0???

to tri confusa na escolha...

marcos trindade disse...

ora, o flics quer tudo de bom.

marcos trindade disse...

aliás no que ele tá certo pois tem muita gente querendo refundar o pt mas não larga a rapadura...

Joca disse...

O Oligoni esse podia propor também a criação de um bombachódromo, onde todos os guascas exporiam as suas calcinhas largas e com detalhes laterais em fru-fru, gaitinha, ponto-cruz, ponto-favo, ponto-50, êpa...

Guilherme Mallet disse...

Não entendi nada.

Primeiro, para que ser isso?

Segundo, por que a Baba-ovo do Rosário?

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo