Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

quinta-feira, 24 de julho de 2008

Marcha do MST sofre revista policial


Neste momento, cerca de 9:50h, a marcha do MST está paralisada na avenida A. J. Renner, paralela à avenida Farrapos, na entrada Norte de Porto Alegre.

Cerca de 50 brigadianos, entre BOE, POE e o grupo de Choque, fizeram uma espécie de corredor polonês e estão revistando individualmente cada manifestante, como na entrada de estádios de futebol. As operações estão sendo comandadas pelo tenente-coronel Bondan, conhecido por seguir a “escola” do coronel Mendes e por suas “diversões” em espancar camelôs no Centro de Porto Alegre.

São identificados também muitos brigadianos sem-farda, certamente a serviço da PM-2, que tiram fotografias, e fazem registros de imagens em câmeras digitais de alta definição, para posterior análise e relatório ao serviço de inteligência dos órgãos estaduais de segurança.

Praticamente todos os órgãos de imprensa de Porto Alegre estão no local, tevês, rádios e jornais.

Depois da revista policial, a marcha do MST deve seguir pela A. J. Renner, Farrapos, Largo da Rodoviária, Mauá, Borges de Medeiros e avenida Loureiro da Silva, na sede do Incra.

Às 13h, os manifestantes do MST têm uma audiência pública com a direção regional do Incra. Em dezembro do ano passado, o Incra assinou um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) no Ministério Público Federal, comprometendo-se em assentar mil famílias até abril deste ano, e outras mil famílias até o final do ano. Menos de 40 famílias foram assentadas no período do acordo.

Os 800 manifestantes do MST querem saber dos prazos do compromisso, até o momento, descumpridos pelo governo federal.

7 comentários:

Anônimo disse...

O que eles deviam revistar é a Yeda e equipe quando sai do estado.

Se o fascinora lesse pelo menos o jornal do partido deles, o PRBS, já tinha muitos indicios para diversas operações.

Claudio Dode

Anônimo disse...

Vagabundo tem que ser revistado sim!

Tem muito marginal forragido da justiça nos acampamentos do mst.

Anônimo disse...

Anônimo, você lê jornal? Mesmo os do PIG?

O que tem de marginal no governo da Yeda não está no gibi?

Alguem já revistou o Busatto depois da confissão dele?

O Anonimato não é a toa

Anônimo disse...

Para o anônimo das 16:42:

Quantas vezes já foste revistado hoje?

Anônimo disse...

MARGINAIS DO MST:

O juiz Carlos Henrique Borlido Haddad, da Justiça Federal de Marabá, no sul do Pará, condenou Luis Salomé de França, Eurival Carvalho Martins e Raimundo Benigno Moreira, líderes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) na região a pagar R$ 5,2 milhões à empresa Vale.

. O montante deve ser pago dentro de quinze dias pelo descumprimento de decisão da própria Justiça, que proibiu a interdição da ferrovia de Carajás, ocorrida em abril passado.

. Na sentença, Haddad afirma que os dirigentes do MST "lideraram diversas pessoas na invasão da estrada de ferro e, por essa razão, devem responder pela totalidade dos danos causados, como também arcar com a multa imposta caso a turbação (perturbação na posse, mas sem suprimi-la por completo) ocorresse".

. Durante a invasão, os dormentes da ferrovia foram incendiados, cabos de fibra ótica e de energia cortados e trilhos levantados.

Centenas de outras ações marginais estão em processo na justiça. O Rei Stédille desvia-se da justiça da comarca de Canguçú. Tudo contra as leis.

Paulada na marginália

Anônimo disse...

Ao anonimo da Paulada da Marginália:

É a mesma justiça que deu liberdade ao Daniel Dantas o Cacciola e tantos outros beneficiados pela maracutaia da piratização, não é motivo de orgulho para ninguém, muito menos de brasileiros.

O que lhes falta é vergonha, não é atoa que não assina.


Claudio Dode

visionario disse...

Anônimo, você nem tem corajem de assinar as sandices que escreve, esses guardinhas de merda tinham que fazer corredor polones no gabinete da Yeda!!

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo