Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

domingo, 30 de novembro de 2008

Uma governadora trololó




A serena convicção de ser irresponsável

O jornal ZH colheu uma entrevista com a governadora tucana Yeda Crusius. E publica hoje na edição dominical. São aquelas entrevistas feitas por jornalistas com punhos de renda, para não ofender o entrevistado.

Dona Yeda está à vontade, tão à vontade que expressou sem nenhuma autocensura o que pensa de cumprir lei, ter disciplina, promover políticas públicas, assumir responsabilidades e iniciativas públicas, etc. – uma chatice, segundo ela.

Uma pessoa assim ou é muito debochada, mas para isso teria que ter bom humor e espírito autocrítico, ou é inteiramente trololó - o mais provável.

14 comentários:

Milton Ribeiro disse...

Essas coisas chatas que parecem ter sido inventadas só para me controlar e para que me preocupe a ética e com o desenvolvimento do estado.

Uma merda, isso.

Anônimo disse...

Alguém percebeu a gravidade da fala da governadora.É assustadora.

Anônimo disse...

claro que ela não se preocupa com a impopularidade, quem tem uma RBS na mão não precisa ser popular e pode dizer todos os tipos de arrogâncias que quiser.
Maria Lúcia Soares

edu disse...

Sinal dos tempos, os cretinos pilantras, comprovadamente desonestos, viram simbolos de perfeiçao administrativa.

Midia é merda.

Se sai na zh é verdade.

Se "deu na televisao" é verdade...

marcelo disse...

"Os movimentos estão acostumados há décadas a repetir um padrão que não cabe mais num mundo sem inflação."
Yeda, referindo-se à greve dos professores.

???

marcelo disse...

"O que foi feito foi uma destruição da imagem gerada por um trabalho de vida inteira. Mas passou."
Yeda, comentando as suspeitas levantadas sobre a compra da sua casa.

Está difícil acompanhar o pensamento dela.

E agora uma pérola da RBS
"A senhora, que é de um partido com histórico de luta contra o autoritarismo ..."

sem comentários...

el barto disse...

realmente, deve ser complicado cumprir a lei pruma sujeita mau-caráter como essa demente, afinal, pra quem até hoje não explicou como adquiriu o castelinho...

Anônimo disse...

Outra passagem interessante da entrevista é quando afirma ter sido "escravizada". Não informa quem foi o escravizador.

Anônimo disse...

Escrava da lei e do cargo de governadora, que essa vagal não tem espinha para tanto.

Anônimo disse...

O maia cadê vc???

ju disse...

a anta agora posta chamadas para si próprio, aqui?
se acha popular, aquela coisa.

Anônimo disse...

Tro-lo-ló é uma desculpa que não serve para a Ieda. Ela não tem nenhuma doença nem uma Síndrome, ela é CAFAGESTE, SEM VERGONHA E MAL INTENCIONADA...o lugar dela é na cadeia...

Anônimo disse...

Somente um jornalzinho vagabundo, e que se acostumou a conduzir, a ignorante classe média "guasca", e os facistas em geral, poderia se prestar para uma canalhice desta proporção.

Claudio Dode

Ary da Silva Martini disse...

"Aquelas coisas chatas" (leis) estão dando dor de cabeça ao governador Cunha Lima (PSDB/Paraíba). Que lage, meu deus!

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo