Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

A direita rebaixa o nível a cada dia


A fotografia acima, pescada na internet, diz tudo, ilustra o esgoto da direita e do PIG

E mais: trechos da coluna de Eliane Cantanhêde, ontem, na Folha.

[...] "não conseguiu ainda 'ensinar' a imprensa [refere-se a Lula]. Mas avança nessa direção, depois de arrastar Dilma para a Presidência e os aliados em massa para os governos estaduais e para o Congresso, onde a previsão é de uma maioria como nunca antes neste país. Exceto com a Arena, na ditadura".

Observem o palavreado: "...arrastar Dilma para a Presidência".

"Exceto com a Arena, na ditadura", vejam o paralelo que a jornalista do PIG faz com a ditadura. O que o lulismo tem em comum com a ditadura? Nada, a não ser o fato de recusar o julgamento e a punição dos torturadores e assassinos da própria ditadura.

E prossegue Cantanhêde: "Em vez de estar leve, feliz, deliciando-se diante da estrondosa vitória que se avista, Lula está armado, atiça os cães da internet e mira a imprensa, para desqualificar o último reduto do contraditório, da crítica, da investigação".

"Atiça os cães da internet...". A imprensa da oligarquia, que na sua integralidade apoiou a ditadura civil-militar de 1964-85, é cognominada de "último reduto do contraditório, da crítica, da investigação". O golpismo como prática cotidiana de um falso jornalismo agora mudou de nome.

A direita, em definitivo, está à beira de um ataque de nervos. Vocês suspeitam de algum motivo relevante que os façam chapinhar no próprio esgoto que criaram?

11 comentários:

Anônimo disse...

Esta senhora Eliane, já perdeu a credibilidade, faz um tempo, tem ligações próximas com os tucanos.
Abs
Cido

Anônimo disse...

Dois apontamentos:
- Essa imagem da Dilma é algo que me comove. Uma jovem mulher, presa, ciente de que tem boas chances de ser torturada e morta, olha para a lente do torturador autoritário com esse olhar de convicção, certeza, dignidade, força. É algo tri bonito. Por que ninguém escreve sobre isso?

- O pensamento troglodita dos jornalistas com toda certeza é um pensamento de quem ocupa posições que não acampanham a "ponta histórica", mas está longe de ser um pensamento pouco disseminado, inclusive entre eleitores de Lula e da própria Dilma. Pra quem diz que a luta de classes não existe mais, está aí mais uma prova de que continua vivíssima.

Nelson disse...

Sobre a maioria esmagadora, de que desfrutou FHC - o boca de sovaco, como o chama o Zé Simão -, a dona Cantanhêde nada diz.
Uma maioria que a direita aproveitou para surrupiar quase todo o patrimônio construído com muito suor pelo povo brasileiro durante 60 anos, entregando-o (doando-o) a um pequeno grupo de grandes empresários privados, nacionais e estrangeiros.
Aproveitou também para detonar direitos que os trabalhadores conquistaram à custa de muita luta.

Anônimo disse...

Dona Catanhêde nos deve desculpas por escrever na primeira página da Folha, dois dias após a queda do avião da TAM, que o governo tinha matado aquelas duzentas pessoas.
Essa senhora deve desculpas ao governo, ao leitor e às famílias enlutadas pela sua leviandade e mau-caratismo.
Hoje se conhecem as causas daquele acidente.
Eliane Catanhêde nos deve desculpas por incitar as pessoas a se vacinarem inutilmente contra a febre amarela.
O paralelo válido que ela poderia fazer seria com o plano Cruzado, no qual Sarney elege a maioria dos governadores e a maior bancada.
Só que nós faremos isso sem RBS e sem Globo.
Não vai chegar a tanto.

Anônimo disse...

Motivo relevante para chapinhar nas próprias fezes ?
Eles chama isso de sentimento telúrico.
São crianças mimadas que nunca precisaram enfrentar o mundo nem entendê-lo.
Como sempre estiveram por cima cultivaram falácias que não os habilitam a se mover e entender o que se passa, muito menos perder com dignidade.
É gente que agride perito do INSS e fuzila fiscal do trabalho.
É gente que se aposenta com documento falsificado e depois elege como vereador o despachante previdenciário tramposo.
Um modo de vida.
Vai ficar um pouco mais magra a teta.

Dialógico disse...

Quando FHC tinha maioria no Congresso, não era caso de ditadura dos tempos da Arena??? ESS gente da direita está doida mesmo!!!!!

Remindo disse...

Maravilhosa tua abertura em poparte da Dilma quando jovem. Quanto ao choro da mídia tucana, vão ficar mais 16 anos chorando. Esta então que maioria parlamentar é ditadura. Eles estão completamente por fora do Brasil de hoje. Só tem desinformações nas Folha, Veja e Rede Golobo.

Katarina Peixoto disse...

A única coisa boa da experiência FHC foi a desmoralização institucional das forças armadas. Uma das zilhares de coisas boas da experiência Lula é o desnudamento dessa gente que odeia o seu povo. O Grupo Folha se acabou, a Revista Veja virou uma variante mau humorada do hilário Hora do Povo, o Globo se mostrou disposto ao jogo sujo, e os "cães" da internet mostraram o seu valor, de animais moralmente elevados, leais, afetuosos, coletivistas, protetores das crias, ferozes com os inimigos. É isso o que faz o povo arrastar a Dilma para a presidência. Essa senhora de triste figura disse até que o povo brasileiro fedia, e o disse alegre, rindo. Acabaram-se.

Anônimo disse...

é o desespero da quadrilha demo-tucanalha, pois sabem que vão levar de relho!!!!
tucanalha nunca mais!!!!
e no rs espera-se que em 3/10 a corja que tomou de assalto o rs em 2006 seja varrida pra lata de lixo e nunca mais dê as caras!!!

Anônimo disse...

Não estão à beira de um ataque... estão em pleno ataque de nervos... e, aqui entre nós, é uma delícia ve-los (que língua a nossa!) assim.

Flics

Anônimo disse...

Assim como a associação dos parentes das vitimas, a Eliane Catanhede, pode ter sido financiada pelos governos Yeda e Serra que investiram nesta desqualificada aposta no sentimentos e sofrimentos dos parentes das vítimas. Óbviamente com motivos políticos e eleitorais.

Põe um urubu no ombro da Yeda também...

Claudio Dode

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo