Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Aracruz está nas últimas


Investidores só aguardam o preço da papeleira chegar ao nível bacia-das-almas

Mais uma vez a Aracruz Celulose não finalizou as negociações com as instituições financeiras em relação às operações de derivativos. A empresa tinha até ontem, domingo, para concluir as negociações. Peter Ping Ho, analista de investimento da Planner Corretora, avalia que a demora de acerto com os bancos evidencia que a situação da empresa está se complicando e, agora, a sobrevivência desta está em jogo.

"Mesmo que a Aracruz venda toda a produção, não terá caixa para quitar as operações com derivativos", relata Ho. Em novembro, a maior fabricante de celulose de eucalipto do mundo anunciou uma perda de US$ 2,13 bilhões com derivativos.

De acordo com o analista de investimentos, a Aracruz teria duas alternativas: colocar a empresa a venda por conta desse impasse ou fazer um aumento de capital. Diante do atual cenário econômico global, a segunda opção não é considerada muito viável por Ho.

Há pouco, as ações ordinárias da Aracruz apresentavam queda de 1,32%, cotada a R$ 3,75. A informação é do portal InvestNews.

.......................

A saída para a papeleira será a sua venda definitiva para um novo grupo de investidores. Estes, certamente, ainda estão torcendo para que a empresa de celulose caia afinal a preços de bacia-das-almas, bem como analisando o remanejo do mercado mundial de celulose e papel face à crise internacional do sistemão.

Foto: exemplar do marketing agressivo da papeleira Aracruz, sempre de cunho racista e falsamente preocupado com os seus (poucos) empregados.

7 comentários:

Anônimo disse...

Pois é...meus caros, estamos nos na m. de novo, falindo a aracruz, 5,51% do capital, que pertence ao BNDES vai para o saco tb...

O fundo de pensao dos funcionarios do BB tb vai pro saco com 3,07%...

Bem q a coisa ruim poderia ter comprado um monte de açoes da aracruzes...

Anônimo disse...

quem sabe a gente começa a ser mais exigente com relação a aonde o bndes e os governantes em geral enfiam nosso rico dinheirinho.
cada vez mais, como thoreau, dá vontade de não pagar imposto. se eu ao menos tivesse um bom tributarista para me ensinar como sonegar sem ir em cana... tantos projetos realmente úteis para a sociedade... tenho trezentas idéias melhores para aplicar o dinheiro.
deixei meu sapatinho na janela, com um pedido ao papai noel: que diga como se faz para a gente se livrar de tanta gente estúpida e hipócrita no poder. e que não seja nada violento, por favor, papai noel,olha o espírito natalino. a gente não quer se tornar bandido também.

Carlos Eduardo da Maia disse...

Se a Aracruz for embora vai entrar outra em seu lugar.... Assim caminha a humanidade....

edu disse...

Sim, vo entrar eu, to so esperando as plantaçoes irem pra leilao.

O BNDES poderia ter dado o $$$ pra mim...

Outra, como é facil fazer c. com o dinheiro dos outros...esse fundo de aposentadoria do Banco do Brasil...convenhamos...q corja.

Anônimo disse...

Entra outra no lugar e lá se vão mais incentivos e renuncias fiscais.

A Aracruz vai devolver o que recebeu do estado?

Claudio Dode

oscar torres disse...

Bendita crise..ao menos isso nos livrou e nos salvou de botar mais $$ a fundo perdido nessa Aracruzes da Yeda Crusiuscredo.

SBENTENAR disse...

- O MALA DO MAIA, CHEGO A CONCLUSÃO QUE NÃO PASSA DE UM ESTRUPÍCIO. VELHINHA DE TAUBATÉ, COM CC NO GOVERNICHO DA RAINHA DAS PANTALHAS, QUE APOSTOU TUDO NOS EUCALIPTOS E VAI FICAR UNICAMENTE COM O CHÁ DE MESMA ÍNDOLE.

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo