Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008


Fogaça quer privatizar iluminação pública

O vereador Guilherme Barbosa (PT) manda denúncia ao blog DG. A administração Fogaça pretende privatizar os serviços de iluminação pública de Porto Alegre. A afirmação foi feita a partir da análise do edital lançado na última terça-feira (26/2). O processo licitatório prevê duas medidas: 1) mais eficiência no sistema de iluminação pública através de financiamento federal, via programa Reluz; 2) repassar o gerenciamento do sistema para a empresa vencedora da licitação, o que caracterizaria privatização do serviço municipal.

O vereador cita o item 11.20, letra b, da minuta do contrato a ser firmado entre a SMOV e a empresa vencedora que diz: "caberá à empresa contratada o gerenciamento permanente de todos os serviços relativos à iluminação pública". O vereador argumenta que caso este contrato se efetive, todos os dados referentes ao sistema de Iluminação Pública sairá do controle público, como ocorre hoje.

Antes e durante a Administração Popular, a iluminação pública de Porto Alegre sempre foi considerada uma das melhores do país, mantendo entre 2% e 3% o índice de lâmpadas apagadas. Atualmente este percentual ultrapassa, com folga, os 10%. O vereador observa que a incompetência da administração Fogaça já é conhecida de longa data pela população, mas, neste caso, acrescenta, juntam-se também outras iniciativas do poder público municipal em privatizar serviços ou espaços públicos, “como é o caso do auditório Araújo Vianna, do Camelódromo e da mega-tentativa frustrada de impor os Portais da Cidade”.

Como se não bastasse, acrescenta o petista, na apresentação pública do programa, o prefeito Fogaça e o Secretário de Obras (foto) expõem uma luminária em que aparece o número 15, estampado na peça. Ninguém desconhece que o partido do prefeito é o PMDB, cujo número eleitoral é 15.

O TRE deve analisar o abuso do prefeito.

Fotografia de Ricardo Giusti/PMPA.

7 comentários:

Carlos Eduardo da Maia disse...

Se a iniciativa privada tem condições de fazer esse serviço público com muito mais controle, tecnologia e eficiência do que uma estatal, que se faça essa privatização -- e LOGO. Mas que o Estado e a mídia vigilante fiscalize e controle. Abaixo o mofo. Sem preconceitos, please!

A Voz do Povo disse...

Maia, vai procurar tua praia!

Eloi disse...

Gauche!!!

Gostaria que vc tratasse da questão da cpi do detran. O grupo de deputados estaduais do psdb, pmdb e ptb estão fazendo de tudo para impedir que os verdadeiros culpados pelo desvio de mais de 40 milhões do detran. Adison Troca (acéfalo), Gilberto Capoani (com batata quente na boca), Oliveira (casa civil-idiota) estão fazendo tudo que é tipo de manobra para impedir a investigação. Querem priorizar ouvir pessoas não importantes para acabar com o tempo de duração da cpi e impedir que os seus aliados ladrões sejam condenados e a verdade venha a tona. Por favor blogueiro Gauche, dê mais visibilidade a esses fatos em seu blog. Precisamos, pois na RBS isso não aparece. Ainda que tenho TV Assembléia.
Abraço

Anônimo disse...

Prezado Eloi, o blog tem tratado do tema na medida do necessário. Leia abaixo, por favor, o post "São as contas de campanha, estúpido!", bem como inúmeros outros post tratando do que já chamamos aqui de Detran-boys - os rapazes de Yeda, filiados e dirigentes do PSDB/PP/PTB...

C. Feil

Anônimo disse...

fumaça é um cara de pau

Anônimo disse...

A piscina do Maia está cheia de ratos, suas idéias não correspondem aos fatos.

Cazuza

Anônimo disse...

Privatizar a iluminação PÚBLICA essa alternativa nem os mais radicais dos "Chicagos boys" sacaram. Ninguém segura esse Brasil.

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo