Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008


Pajelança no governo Yeda?

Depois de ajudar a afundar mais o Estado durante o governo Britto, César Busatto, volta ao Piratini, agora na condição de religioso convicto, como se pode ver na fotografia acima, em que ele reza de mãos dadas com aliados e colaboradores.

É bom que Sua Excelência vá rezando, o assunto Detran/RS tem levado pânico ao governo Yeda, que teme um processo de impeachment que a defenestraria do “meu palácio” – como ela se referia ao Piratini no início de 2007.

6 comentários:

Carlos Eduardo da Maia disse...

Da onde é que tiraram que Busatto afundou o Estado no governo Britto? TAlvez seja porque Busatto tenha concedidos, via lei, aumentos consideráveis (e justos) aos servidores públicos (mais do que o Estado pode suportar) e que estão sendo discutidos na justiça. Na gestão Busatto o Estado trouxe investimentos de grandes empresas como a GM e Ford. Na gestão Busatto se fez a importante desestatização de serviços que o Estado realizava de péssima forma, como a telefonia. Recursos extraordinários entraram nos cofres públicos para serem gastos com despesas extraordinárias como o incentivo fiscal. Fiz um esforço danado, mas não entendi: por que a gestão Busatto no governo Britto foi catastrófica???

el barto disse...

e o ex-chefe dele, hein? vai assumir um carguinho na claro... a vivo, a tim, a oi e outras tão esfregando as mãos e rindo a toa, afinal, depois de afundar o rs e a azaleia...

Anônimo disse...

Sem erro:

O Maia é idiota mais canalha que existe.

"Recursos extraordinários entraram nos cofres públicos para serem gastos com despesas extraordinárias como o incentivo fiscal"

Não precisa nem ir em outro lugar pegar.

Aliás: Canalha, idiota e reacionário.

Claudio Dode

edu disse...

Bah, tb nao consigo responder ao tal maia, falta conhecimento basico ao rapaz, tipo, para entender quanto é 1+1 precisa conhecer matematica.

Eu nao aceito a eleiçao dessa mulher, imagina encurtar o mandato desastroso dela.

Anônimo disse...

É muita cara de pau deste Maia, só pode ser parente do César e do Agripino.

Anônimo disse...

Recomendo essa leitura sobre a "pajelan�a" nos c�rebros dos adolescentes internos da FASE. Est� impag�vel, principalmente na parte q trata das "atividades tuberculares reduzidas"
http://www.blogger.com/email-post.g?blogID=2505837828236732996&postID=2452732079818717754

Eug�nio

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo