Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Morte misteriosa de ex-doador da campanha tucana


Pauta para os diligentes repórteres investigativos da midiolândia guasca

Seria mais uma ação criminosa dos "stalinistas" (que pressionam os fracos, induzindo-os à morte), conforme suspeições categóricas do professor Carlos Crusius, quando morreu o ex-embaixador Marcelo Cavalcante?

Crusius foi rápido ao afirmar que se tratava de "suicídio", quando em 17 de fevereiro último apareceu o corpo do assessor Marcelo Cavalcante boiando no lago Paranoá, no Planalto Central. Mesma região onde ontem foi encontrado o corpo do empresário Nestor Mähler, ex-presidente da fumageira Alliance One, uma das empresas doadoras de dinheiro à campanha eleitoral que conduziu o tucanato ao Piratini.

Até o presente momento - quase sete meses depois - a polícia civil do Distrito Federal não conseguiu explicar a causa da morte do ex-assessor de Yeda Crusius, já nem se exige que aponte um suspeito, mas apenas a causa mortis do militante tucano.

Eis, pois, uma instigante pauta para os sempre diligentes repórteres investigativos dos vibrantes órgãos de imprensa de Porto Alegre.

Fac-símile parcial da página 47 do jornal Zero Hora, edição de hoje.

8 comentários:

Anônimo disse...

HEI!!
A Walna não está lá em Brasilia?
Fica ali pertinho de Goias.

Anônimo disse...

Mais uma queima de arquivo?

Madalena disse...

será Walna a próxima vítima? ou ela foi prá o planalto central com alguma incumbência específica?

Anônimo disse...

A Walna também estava por lá quando morreu o embaixador...Mas creio que se tratam de coincidências.

Anônimo disse...

Não é atoa que ela brinca com fogo e não se queima. Esta mulher é uma diaba!

Anônimo disse...

Esta Walna é macha pa'caralho. A Yoda que o diga....

Anônimo disse...

É claro que a polícia do DF sabe da causa mortis do Marcelo Cavalcante. Porém, alguém no Planalto deve estar ganhando algum para impedir que a ´'notícia' venha ao conhecimento público. Como o PSDB não tem precionado através da mídia, é lícito presumir que não tem interesse na divulgação. Por que será?!

Anônimo disse...

walna, a que lava mais branco....hahahahahahahahah!
Magnólia Pessoa

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo