Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

terça-feira, 15 de janeiro de 2008


Fusão BrT/Oi será lesiva ao usuário de telefonia

O jornal Zero Hora, do grupo RBS, faz uma interpretação particular e tendenciosa do relatório de Aristóteles dos Santos, ouvidor da Anatel (ver post abaixo). Afirmou em manchete hoje que o ouvidor é plenamente a favor da megafusão Brasil Telecom e Oi.

ZH, conseqüente com o mau jornalismo que pratica, distorce o pensamento do ouvidor. Todo o texto do relatório aponta duras críticas às privatizações das telecomunicações e ao fatiamento do antigo Sistema Telebrás, chegando a propor uma empresa nacional robusta (ele não chega a afirmar que essa empresa seria estatal, mas também não afirma que seja o resultado da fusão Oi/BrT) para reacomodar o setor em bases que convirjam mais com os interesses nacionais, com a pesquisa e a tecnologia brasileira. Se Aristóteles dos Santos passa o relatório inteiro criticando o monopólio regional das teles, como irá aceitar a fusão BrT/Oi, que constituirá não mais um monopólio regional, mas nacional?

A fusão da Brasil Telecom com a Oi é deletéria e lesiva para os interesses do consumidor/usuário da telefonia no Brasil. Irá verticalizar mais ainda o setor, trazendo apenas benefícios corporativos ao novo conglomerado de telefonia, praticando preços abusivos, serviços sofríveis e inobservância no atendimento a áreas remotas, carentes ou deficitárias de infraestrutura. A fusão atenderá somente o aspecto corporativo e tecnológico, e não há nenhuma garantia de que o usuário será beneficiado com o mega business, haja vista as críticas pertinentes e corretas da ouvidoria da Anatel, ratificando o que já se sabia, qual seja: a própria Anatel é inútil e impotente para fazer cumprir as normas e resoluções do setor e o próprio código de defesa do consumidor brasileiro.

Se a Anatel é impotente para coibir abusos com os atuais monopólios regionais, imagine-se a sua fragilidade para com o monopólio nacional que resultará da fusão BrT/Oi.

6 comentários:

Carlos Callado disse...

ZH tem uma visão estreita das coisas. Raciocina em termos de um poderoso anunciante que pode resultar da fusão.
Não há interesse público, neste caso, há interesse privado travestido de mínimas e bem disfarçadas noções públicas e universais.
A fusão das duas empresas passa por cima da regionalização do território nacional levado a efeito quando dos leilões de áreas. O Estado fica algemado diante do interesse negocial de dois players. O governo Lula não tem culhões para impedir esse negocião. As teles mandam e desmandam no País, com esse faturamento de 80 bi de dólares, não tem Anatel, ministério, ministro, Planalto, não tem prá ninguém. Eles mandam e estamos conversados, o interesse público que se exploda e o consumidor idem.

Carlos Eduardo da Maia disse...

Quem controla a BrT são os fundos de pensões das estatais (previ, funcef, petrus etc.) que tem grande participação na Oi. Quem controla a Oi é o BNDE. Existem sócios privados no capital das duas empresas, mas quem dá as cartas são as estatais. Essa fusão depende exclusivamente da vontade do governo do PT (que controla o fundo de pensão das estatais e as diretorias do BNDE). Essa fusão depende do PT e apenas do PT.

Anônimo disse...

O PT é uma figura abstrata, irreal, um acordo entre indivíduos. Quem decide são atores sociais, portanto o PT não decide nada.

Anônimo disse...

fundos de pensão aqui e em Marte são por definição jurídica e econômica entidades privadas.

PRIVADAS, seu Maia. Tenha por favor um mínimo de honestidade ao vir aqui, onde ninguém é analfabeto funcional.

Carlos Eduardo da Maia disse...

Fundos de pensão de estatais são instituições privadas, mas controladas por gestores indicados pelo Estado, pelo governo, pelo partido que ocupa o governo.

Anônimo disse...

Vale a pena ler:


http://conversa-afiada.ig.com.br/materias/473501-474000/473877/473877_1.html

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo