Você está entrando no Diário Gauche, um blog com as janelas abertas para o mar de incertezas do século 21.

Surf no lixo contemporâneo: a que ponto chegamos! E que mundo deixaremos de herança para Keith Richards?

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

José Dirceu esmagou os picaretas


Por dever de ofício e estar gozando de ótima disposição naquele momento, assisti a entrevista de José Dirceu no programa Roda Viva, da TV Cultura/SP, segunda-feira passada.

Este blog, em abril próximo, completará cinco anos de postagens diárias. Neste período, jamais eu deixei de criticar o ex-presidente petista José Dirceu, a meu ver, responsável maior pela desqualificação orgânica do PT, pelo rechaço à militância ativa, pela hipertrofiada institucionalização partidária, pela política de alianças a qualquer custo, pela natureza exclusivamente cartorial assumida pelo PT, e por outras lacunas e falhas de ordem ideológica e política. José Dirceu, para mim, é um desbundado. Ponto. No entanto, este blog nunca compartilhou da crítica pela direita levada a efeito pelos jornalistas amestrados da mídia de ficção, especialmente aquelas relativas ao denominado "mensalão", causador da saída intempestiva de Dirceu do governo Lula, em 2005.

Isto posto, fico à vontade para dizer que Dirceu esmagou os jornalistas que o entrevistaram no Roda Viva, especialmente Marília Gabriela, Augusto Nunes, Guilherme Fiúza e um gordote de cabelo ye-ye-yê tardio, cujo nome esqueço, por irrelevância.

A estupidez, o primarismo e o despreparo destes jornalistas fizeram - por contraste - uma exaltação à Dirceu. Na presença das hienas midiáticas, Dirceu virou quase um intelectual respeitado, algo que jamais experimentou ser, nem em fantasia. Não foi uma entrevista, foi um interrogatório sem pau-de-arara nem choque elétrico. Augusto Nunes - ex-editor-chefe do jornal Zero Hora - perguntava, respondia e contestava furibundo o que era dito por Dirceu. Um pinga-fogo desrespeitoso e covarde, o tempo inteiro.

Vale a pena assistir a entrevista, dura um pouco mais de 60 minutos, e pode ser acessado aqui.

14 comentários:

Suzie disse...

Concordo 100% contigo.
Tem prática mais desqualificada que a CALÚNIA?
É a técnica utilizada por aquelas figurinhas contra LULA, contra DILMA, contra DIRCEU...
Eu, se apoiasse aqueles inquisitores, morreria de vergonha.
O meu intelecto estaria derretido.

Leandro Rodrigues disse...

Concordo plenamente contigo, Feil. Assisti na segunda-feira, mesmo, na TV Brasil. A entrevista foi por vezes desrespeitosa, mas Dirceu soube domar as feras, e o que parecia que seria um passeio pros jornalistas do PiG converteu-se num laço vexaminoso. Pontos pro Zé Dirceu. Teve altivez pra encarar esses guaipecas, que ladram muito, mas não sabem morder.

Armando disse...

Assisti e concordo contigo. E aqui mesmo, sempre discordei de v. defendendo Dirceu, o tempo todo vítima da direita, da mídia e dos jornalistas(sic) como A. Nunes. E mais: foi excessivamente controlado, pois qq. outro humano teria voado na "jugular" daqueles fascistas (exceto o jornalista da Carta).

armando do prado

Jordi disse...

Ao contrário dos outros comentaristas, não concordo 100% contigo. Concordo em muito, e realmente o tal Augusto Nunes é umm indigente intelectual, um palhaço, um coitado elevado a status de pensador, digno de jabores, waacks e quetais. Mas quando ele perguntou ao Dirceu o que ele tem contra a Rede Globo, eu queria ter ouvido alguma coisa, como que a globo surgiu e cresceu à sombra da ditadura que ele (Dirceu) combateu, que desde a volta das eleições a empresa faz um esforço para deturpar os resultados com base em mentiras e farsas como debates editados e bolinhas, que acoberta o que de pior há na sociedade brasileira em nome de seus negócios, etc, etc - aliá, como a ZH. Mas Dirceu não disse nada.

marcelo disse...

Esse Augusto Nunes, basta ele entrar em cena e já se percebe que se trata de uma víbora.

valeriobrl disse...

Foi uma ótima intervista. E' típico de uma ditadura militar condenar sem JUSTO julgamento. Até os Nazistas tiverem um processo ( Norimberga). Gostei muito da postura do companheiro Dirceu.

marcelo disse...

corrigindo, é um idiota fazendo o papel de víbora.

Anônimo disse...

Concordo em parte com a tua avaliação, Cristóvão. Os mastins do PIG (Marília Gabriela, Augusto Nunes e o "cabelo ye-ye-yê tardio"), perderam as estribeiras porque se confrontaram com alguém que pensa a política organicamente, e tem uma visão não de ocasião ou para agradar o patrão. Os matins foram perdendo o controle da entrevista porque o Dirceu aproveitou o microfone e as câmeras e direcionou com qualidade a linha do debate. Coisa que os mastins não sabem fazer, debater, contra argumentar. O que sabem fazer é intimidar o entrevistado, cortando a fala, redirecionando a temática, enfim fragmentando a exposição. O Dirceu, com calma, foi driblando as tentativas de cortes e alinhavando o manto das falas. A rodada final mostrou a truculência e a descompostura dos inábeis inquisidores. Como jornalistas demonstraram que são ruins, despreparados para lidar com pessoas inteligentes.

Anônimo disse...

O poder argumentativo do homem é realmente impressionante. E quanto a esses víboras, é triste ver esses caras, até o rosto deles é uma máscara.

Arthur Rotta disse...

ótima entrevista do Dirceu. Ao contrário do que pensa Feil, acho que pelo menoas a política de alianças defendida com o Dirceu é acertada. No início eu era contra também, mas não fosse isso, não sei se o Lula teria vencido em 2002, seguramente não governaria. Governar aliado a parte da direita é do jodo, sobretudo quando se precisa de apoio do congresso e a bancada de esquerda sozinha não basta.

Anônimo disse...

A verdade está em:
(http://jusvi.com/files/document/pdf_file_texts_27782.pdf).
Ou não existe democracia neste País.

João

Anônimo disse...

Bom dia Cristovão, o nome do jornalista que você esqueceu o nome é `Sergio Lirio da Carta Capital, acredite, ficou na insignificância, uma pena
Abs
Cido

Cristóvão Feil disse...

Olá, Cidão,

Não, não esqueci do Lírio. Ocorre que ele, Sérgio Lírio, da CartaCapital não faz parte da catrefa de deseducados. Eu esqueci o nome foi do cara da Época (Globo).

Abç.

CF

Anônimo disse...

Falando em continuidade>>>>

Volta do Zé Dirceu;
Volta do Palocci;
Volta de CPMF;
Volta do Banco de Minas;

Só falta voltar o mensalão.

Carla

Contato com o blog Diário Gauche:

cfeil@ymail.com

Arquivo do Diário Gauche

Perfil do blogueiro:

Porto Alegre, RS, Brazil
Sociólogo